850

Se você é pai, mãe ou tem uma criança em casa passando por aulas online, com certeza, você já se perguntou indignado: “se fica o dia inteiro no celular e no videogame, por que não sossega no computador”?

Encarar a realidade imposta por essa pandemia desde março de 2020 obrigou todo mundo a adequar-se às proibições de tocar a vida normalmente e obedecer às recomendações para ficar em casa. Com isso, professores precisaram aprender da noite pro dia, primeiro a lidar com plataformas digitais, dispositivos de microfone, fone de ouvido ideais para facilitar o trabalho e tudo isso, com um grupo de crianças tirando dúvidas e tentando organizar a ordem de fala para que a aula acontecesse sem problemas.

A criançada, acostumada com o mundo digital, tem por hábito o uso de jogos, plataformas de vídeo, em que tudo é muito dinâmico, colorido, ágil e diria até, explosivo. A aula foge muito deste formato. Houve a transição da aula na escola pro computador, mas, a adaptação da linguagem ainda é novidade pra todos. A professora que antes tinha a lousa e uma posição de destaque na sala virou um quadradinho como todos os alunos na tela e com o mesmo volume de fala. É uma dificuldade que nos faz dar mais valor ainda aos mestres.

Para os maiorzinhos, é um pouco mais prático, pois conseguem manter o silêncio, perguntar por texto, enquanto os pequeninos, no Ensino Fundamental I, de 1º a 5º ano, ainda questionam “quantas linhas eu pulo, prô”? “Prô, que cor eu pinto o desenho”? E tudo isso acumulado, faz com que entendamos a cada dia que a internet é a chave para tudo daqui pra frente.

A necessidade é tanta que muita gente já nem lembra que pode ligar em um restaurante e pedir sua comida. O aplicativo é a única saída. Se o restaurante não atender pelo aplicativo, muda-se o restaurante e não a forma de pedir. O exemplo de comida por entrega é só para mostrar o quanto é importante escolher bem sua internet, pois, viver sem ou com alguma que te deixe na mão está fora de cogitação nesse mundo, por enquanto, EM CASA, e todo informatizado.

Se puder, comente. Como está sendo a aula online dos seus filhos?

Compartilhar

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

×